segunda-feira, 17 de outubro de 2011

. Amo as Flores

As Flores do jardim da minha casa




Deixe que a beleza das flores encham o seu coração de paz e harmonia






. Uma abelha azul polinizando uma flor

Uma abelha azul polinizando a minha linda Benedita


A natureza pede socorro!
E não pode se defender.
De um homem vil e cruel,
Que só pensa em destruir.
Como é bela a obra do criador.
Será que você ainda consegue
Enxergar uma flor?
Observar uma estrela e se encantar?
Ou será que o mundo moderno roubou
Tudo de você? Tá na hora de acordar!


Eliane Daniel

. O MUNDO DÁ VOLTAS

O que é estranho será apenas diferente

O MUNDO DÁ VOLTAS.

GIRA ATÉ CHEGAR NO MESMO LUGAR.

E MUITA COISA CONTÍNUA EXATAMENTE DO JEITO QUE ESTÁ.

GRAVATAS SÃO OBRIGATÓRIAS.

SORRISOS NÃO.

CRIANÇAS TRABALHAM.

ADULTOS BRINCAM DE DEUS.

NÚMEROS VALEM MAIS QUE PESSOAS.

PLANTAM CINZA, CORTAM O VERDE. REZAM ANTES DE 


DORMIR PEDINDO PARA ACORDAR.

UNS COM TANTO.

OUTROS COM TUDO.

A MAIORIA SEM NADA. 

O DESTINO DE MUITOS JÁ ESTÁ ESCRITO ANTES QUE 


APRENDA A ESCREVÊ-LO.

O MUNDO DÁ VOLTAS.


TODO MUNDO SABE COMO ELE É, MAS VOCÊ PODE DECIDIR 


COMO ELE VAI SER.

MENINOS DE RUA PODEM TER CASAS.

MENINOS DE CASAS PODEM TER RUAS.

O QUE É ESTRANHO SERÁ APENAS DIFERENTE.

MAIS SEGUNDA CHANCE,

PRINCIPALMENTE PARA A PAZ.

PONTES VÃO APENAS LIGAR PESSOAS

E NÃO SERVIR DE ABRIGO PARA ELAS.

MENOS ARMAS.

MAIS ALMAS.

AS MENORES COISAS VÃO MUDAR O MUNDO.

FAMÍLIAS TAMBÉM VÃO MERECER HORAS EXTRAS.

O MUNDO DÁ VOLTAS.

E MUITAS COISAS PODEM ESTAR JUNTAS NESTE MOVIMENTO.

NEGÓCIOS E ABRAÇOS.

SELVAS DE PEDRAS E FLORESTAS DE VERDADE.

AÇÕES E BOAS AÇÕES.

INVESTIMENTOS PARA O FUTURO.

E UM FUTURO MELHOR.




O MUNDO DÁ VOLTAS MAS MESMO QUANDO ELE VOLTA PARA O MESMO PONTO,

ELE PODE CHEGAR DIFERENTE.

domingo, 16 de outubro de 2011

Galeria dos Vereadores 2

Melquiades Alves Teixeira, conhecido como Tito teixeira, é filho do saudoso Antonio Teixeira, que era dono da padaria que hoje é de Gisélia Cabral e D. Dulcinéia, uma pessoa muito doce e querida. Foi eleito vereador era muito querido por todos, tinha um poder político muito forte; tanto é que quando desistiu de ser candidato elegeu sua esposa Evinha e um outro candidato. A comprovação disto é que quando o outro candidato tentou um novo mandato só teve vinte e quatro votos.


EVA MARIA

Evinha, esposa do ex-Vereador Tito Teixeira é uma figura muito especial e fez um trabalho muito bacana quando vereadora. Sempre a admirei, mesmo na época em palanques opostos. Ela sempre foi e é uma pessoa muito humilde e de um coração enorme. Foi professora e por muito anos prestou seus serviços no Ismênia. Hoje reside em garanhuns-PE, mas continua amada e querida por todos que a conhecem.


Obs.: Nesta foto temos ainda a presença do ex-vereador Euclides Gomes da Silva, que reside no Sítio Barreiros e foi uma presença muito marcante do governo de Josa Cadengue.

ELZI DANIELLE COSTA LOPES


Elzi Danielle, foi uma das primeiras telefonistas do posto da Telpe, onde antes funcionava o Mercado e Farinha, na Rua Profº Francisco Furtado. Também prestou serviços na Emater. Seu irmão Carlos Gerônimo o (Carlinhos do INSS), foi candidato a Vereador, mas não alcançou os votos necessários apesar de uma significante votação. Quatro anos depois ele apoiou sua irmã Danielle que já vinha sendo reconhecida pelo seu trabalho na EMATER, mas ela também não conseguiu os votos necessários e ficou na suplência. Infelizmente um fato trágico aconteceu que foi a morte do inesquecível José Ivonaldo Rosa em um terrível acindente de moto. mesmo a contragosto ela assumiu a ex-cadeira do então vereador. Se candidatou a mais um mandato e foi eleita com expressiva votação. Desistiu da carreira polítca e apoiou o marido Erivan Lopes para concorrer a cadeira, a sua maior votação era a Vila da Paz, nesta cidade de Brejão.

 ERIVAN LOPES PEIXOTO
  
Erivan Lopes peixoto, filho de Noé Peixoto e D. Lourdes Lopes, é professor, trabalhou na secretaria de Áção Social, na Prefeitura de Brejão do Governo de miguel Paes até o Governo de Sandoval Cadengue e trambém faz parte do quadro de professores. O mesmo é esposo da ex-Vereadora Eizi Danielle Costa Lopes e está no seu terceiro mandato consecutivo, também é uma pessoa muito conhecida e carismática.

Hoje o ex-vereador, faz oposição ao ex-prefeito Sandoval Cadengue é o  Vice-Prefeito do Município na gestão atual do Prefeito Ronaldo ferreira de Melo.





         FRANCISCO DIONISIO DA SILVA


    Francisco Dionisio da Silva ou Chiquinho Machante como era conhecido, em virtude de por muitos anos cortar carne no Mercado Público, era um homem íntegro, honesto e de uma simplicidade ímpar, foi Vereador , foi embora de Brejão no Governo de Josa Cadengue e infelizmente faleceu e não mais pode voltar a sua terra natal.
   Aqui vai minha homenagem ao nosso saudoso e inesquecíve "CHIQUINHO MACHANTE"












JOSÉ ARNALDO SIQUEIRA

José Arnaldo Siqueira, filho de Manoel Batista e D. Sina, estudou no ginásio industrial de brejão e no Colégio Diocesano de garanhunsfuncionário da Saúde, proprietário da farmácia Siqueira, casado Com Aparecida Ferreira e pai de três filhos, foi candidato a vereador no governo de Josa Cadengue e só não ganhou porque a campanha dele era só namorar, era um jovem muito querido por todos. As Campanhas de Vacinação eram  comandadas por ele e garanto que em Brejão nunca mais ouve igual, ele recrutava os estudantes para o serviço voluntário e acreditem se quiserem todos iam felizes mesmo comendo pão com queijo,  mortadela e guaran, existiam alguns bondosos moradores que vez ou outra davam um prato de feijão, como era o caso do Sr. Zuit, pois quando íamos para o sítio dele era uma fartura só, sem contar os contratempos, pois muitas vezes vínhamos de pé debaixo de chuva atolados na lama, porque vez ou outra os carros quebravam, mas isto era motivo de alegira, pois era uma diversão só. Acho que o Arnaldo deixou um grande vazio quando se afastou da secretária de saúde, pois era a cara dele




JOSÉ OSÓRIO DE BARROS



Este homem foi uma lenda vida em nosso município, passou por vários governos, foi eleito por sete mandatos consecutivos e era muito apaixonado pelo o que fazia, além de não ter papas na lígua, pois falava realmente o que achava independente  doque os outros achavam, e lutava com unhas e dentes para defender o seu povo, principalmente os moradores das comunidades Baixa da Lama, Mamoeiro e Riacho  Seco, além de muitos votos espalhados pela cidade e outras comunidades, além de ser muito brincalhão, enfim falo de alguém que convivi por alguns anos e deixo aqui o meu respeito e muita saudade, é fato que ele fez parte da nossa história e devemos manter viva a sua memória!
 





JOSE LUCIANO TENÓRIO DA SILVA




Luciano Caetano, filho da   ex-vereadora    Maria Caetano   e    do
Zé Caetano, sua mãe é conhecida como Maria de todas as horas. Assumiu a cadeira como Vereador em seu primeiro mandato em janeiro de 2009,  foi Presidente da Câmara em 2012 e  hoje trilha os mesmos passos da sua mãe ajudando as pessoas principalmete na área da saúde é evangelico, e  congrega na igreja jardins das Oliveiras.

.Galeria dos Vereadores 01




. Jose Augusto Pinto
. Miguel Carlos Calado Torres
. Maria do Espírito Santo

. Maria Caetano
. Zélia Barbosa
. Evinha
. Elzi Danielle Costa Lopes
. José Ozório de Barros
. Adolfo Francisco Lopes
. Antonio Laurentino de Souza
. Antonio Barbosa Filho

. José Dirceu Fabiano
. Chiquinho Machante
. Fernando Vilela
. Fernando Barros
. José Ricardo
. Euclides Gomes
. Zacarias
. Ginaldo Alves
. José Ivonaldo Rosa
. "Seu" Bigu
. Antonio Simão

. Erivan Lopes Peixoto
. Luciano Caetano
. Carlos Alberto de Barros (Calitinho)
. Laércio
. José Rosa
. Joathan Bezerra
. Lindelberto
. Adevânio
. Saulo Florentino de Barros




Miguel Carlos Calado Torres Conhecido     como"Miguelzinho", filho de Manoel Paes, foi o primeiro vereador eleito   sem direito a  remuneração. Acho que hoje deveria ser assim, pois infelizmente muitos se candidatam não para defender os direitos dos eleitores,    mas para defender salário e passam quatro anos só mamando.      Claro que   em toda   regra há uma exceção, conheço alguns que realmente se   preocupam com o bem estar da   população,    que     são  mínimos .     Antigamente eles  sentiam prazer de serem reconhecidos como bons cidadãos, para eles era questão de honra servir a polulação, era quase um título de nobreza ser eleito Vereador.

Antonio Laurentino de Souza,   conhecido por  Antonio Boleiro;     o seu pai também era boleiro, e por muito anos vendeu bolos na feira de Brejão. Como seu pai ele é uma figura e tanto, além de ser muito extrovertido   e brincalhão   é   uma pessoa   que   sempre   se preocupou em servir o próximo independente de partido.
Foto cedida por Leo de Doura



O belo e jovem Adolfo Francisco Lopes, filho de D. Doura do Cártório, foi eleito vereador, assumindo a cadeira em 1989, na chapa do inesquecível Josa Cadengue. O Ilariê, foi a música marcante em sua campanha vitoriosa.





















Foto cedida por Leo de Doura
José Augusto Pinto, conhecido como Zé Pinto, foi vereador deste Município de Brejão. A Praça Vereador José Augusto Pinto recebeu este nome em homenagem a este homem que fez parte da história deste Município, do nosso povo.  



























































































































































































sexta-feira, 7 de outubro de 2011

D.Santelina de Carneiro





Seu esposo Carneiro, era funcionário da prefeitura Municipal de Brejão. Fabricava fogos e em todas as festividades ele estava alí presente soltando os fogos e antigamente quando nascia uma criança era sinônimo de festa e os fogos faziam parte destas comemorações. Esta mulher guerreira e linda já passou por muitas dificuldades e perdas enormes. mas é uma grande mulher, alguém que eu tenho uma grande e profunda admiração. Esta é mais um membro da conhecida família Pinto de Brejão e minha parenta com muito orgulho.

.Jesuito Bernardo de Araújo

. Arnobio Gomes da Silva

Arnobio perdeu sua mãe quando ainda criança, também ficou muito pequeno o Adilson e a menina Adeilda acho que tinha apenas um ano de idade. Sua mãe foi picaca por uma cascavél, acho que estava entre os oito e nove meses de gestação, ela era uma pessoa maravilhosa e na época foi um grande choque para a população. Tempos depois o Seu pai Manoel Gomes da Silva casou com a irmã de sua mãe e tiveram outros filhos. O Manezinho Gomes como era conhecido era uma pessoa muito brincalhona, trabalhou por muito tempo fazendo a linha Brejão/Garanhuns, ele Quiteria e os filhos formavam uma família muito bonita, que fizeram parte da minha vida. Depois de muitos anos eles foram morar em Garanhuns e continuaram a prosperar, pois ele era um homem muito trabalhador. Os filhos do Manezinho Gomes sempre foram sinônimo de trabalho, um legado que lhes foi deixado por aquele grande homem.
Seu pai foi assassinado de uma forma covarde e por motivos banais, o que foi um grande choque para nós que o conhecíamos e sabíamos da grandeza do seu coração.Mas os seus filhos são vencedores, o Arnóbio é empresário e vice-prefeito de Terezinha-PE

. Antonio Boleiro

Ex-vereador comhecido como Antonio Boleiro

.D. Gercina Cabral.



quinta-feira, 6 de outubro de 2011

.Meus irmãos Egnaldo e Mariza





O Egnaldo de Oliveira Lima era um jovem muito inteligente e vaidoso. Quando tinha 17 anos anos um fato mudou toda a sua história, os seus cabelos começaram a cair, também os pelos do seu corpo e ele não estava preparado para enfrentar esta etapa da vida, chorava muito muito, pois ele gostava muito dos seus negros cabelos. A minha mãe o levou para o Recife, mas eles não tinham muitas explicações, falavam que era um problema de nervo. O meu irmão sofreu muito e nós com ele. Ele passou a viver escondido, na época não existia o acesso a psicólogos, todas as vezes que algúém chegava ele corria para o quarto e só saia a noite para caçar, isto durante dois anos. Então o meu Tio zé de Dirceu teve a idéia de colocar ele para tomar conta de uma turma da emergência, lá no Sítio Guaribas, foi quando ele começou a encarar a vida, mas nunca aceitou aquela situação, ainda hoje é muito dolorido falar nisto, mas infelizmente não podemos apagar os fatos, as nossas histórias. Para piorar, um amigo de pai, Marcos Galista teve a infeliz idéia de levar o meu irmão para o garimpo em Rondônia, encheu a cabeça do egnaldo de falsas ilusões, pois o cara era um tremendo vacilão, um cara que só vivia de farras. Eu tentei impedir, dizia aos meus pais que não deixassem ele levar meu irmão, mas ninguém me ouviu, achavam que o Marcos estava fazendo um bem a ele, e na verdade ele o estava levando o caminho da bebida, sem contar que quando eles chegaram em Rondônia foi acometido de uma malária muito forte e o cara não fez nada, se não fosse outras pessoas que o tivessem ajudado, teria morrido. Enfim é preciso fugir destes tipos de amigos.

. Isaura Viana

Isaura Viana era filha do velho e carrancudo Nonato, teve três filhos, um deles o Joaozinho, famoso na época e dono de uma boate em Garanhuns-PE, o outro filho foi o Zé Mauro, que fora assassinado muito cedo, mas que segundo informações jogou alcóol em Zeza de Parreira e botou fogo na mesma, ainda hoje ela carrega as marcas das queimaduras em seu corpo, era filho do comerciante e dono de uma famosa Fábrica de Bebidas da época o Sr. João Lopes , que era localizada na Rua José Inácio dos Santos, antes denominada de Rua Cleto Campelo, e mais conhecida como a Rua de Bom conselho . No local hoje funciona o Centro de Artesanato. Teve uma filha com o Tututi, que fazia o alistamento militar, a Sônia Goes e adotou a Lúcia.
Por muitos anos recebeu pessoas de todos os lugares em seu restaurante, os policiais da época, cantores, funcionários públicos como Jesuíto Bernardo, Marcelo Gouveia, Alcides que faziam parte da Emater, todos faziam refeições ali. Figuras como João do Pife, se hospedara com ela e os shows eram realizados na no prédio de "Seu" Antonio Fula, pai do Gonzaga, lá existia um palco específico para estas apresentações e de Teatro, que era um forte da época, pena que eu era muito pequena e minha mãe nunca deixava eu ir.
Esta mulher era uma pessoa especial e sua comida era deliciosa

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

. Biografia do Capitão Américo Ferereira de Melo

O LENDÁRIO CAPITÃO AMÉRICO




Em 1882 Brejão era uma Vila pequena, Américo Ferreira de Melo era um homem novo, mas já morava nesta Vila. Em 1900 ele passou a ser Delegado nomeado pelo Dr. Jardim.
Certo dia o capitão sonhou que próximo a um pé de pitomba que havia por trás da Vila, estava enterrada uma cruz. No outro dia encucado ele chamou sua gente e foi ao local, encontraram a terra rachada e acharam estranho, então curiosos começaram a cavar e encontraram a cruz. Capitão Américo foi chamar o Bispo em Garanhuns e retiraram a cruz e a colocaram na igreja, o bispo a benzeu e denominou a Vila de Brejão de Santa Cruz. Todos os domingos ele mandava buscar o padre para celebrar a missa. Em 1906, no domingo quando terminou a missa, o padre foi almoçar na casa do Capitão, ele havia deixado o cavalo amarrado por trás da igreja. Idalino, filho do capitão foi dá uma olhada no cavalo e qual não foi a sua surpresa, pois não havia cavalo algum, chegou espantando e disse: Roubaram o cavalo. Américo ficou aperreado e chamou o Tenente Venâncio que era um grande rastreador e disse vá em busca do ladrão e o tenente disse só não garanto chegar apressado, então disse Américo: venha quando puder, mas venha com o ladrão. O Tenente Venâncio viajou por dois dias e chegou com o ladrão. O Capitão perguntou ao ladrão porque você fez isto? me faltou com respeito. Mas muito generoso perguntou se o ladrão estava com fome e mandou preparar uma janta reforçada, o pobre coitado foi comer e morreu engasgado com um osso. E foi este o começo da perseguição dos ladrões, pois era um justiceiro, e não suportava ladrões, mas a sua maneira de resolver as coisas não agradava a alguns fazendeiros e foi muito perseguido.
Muitas famílias foram chegando a Vila como o marinheiro Albino Moreira da Costa, grande fazendeiro que criou a família Joaquim Moreira da Costa, Antonio moreira da costa, Francisco Moreira da Costa, depois veio o português Joaquim Simão dos Santos Figueira, pai de Francisco Simão dos Santos figueira, Dr. Antonio Figueira, Dr.João figueira, Dr. alves Figueira, Dr. Fernando Figueira e D. maria de Lurdes sua genitora, mãe de D. Alice Figueira. Na Fazenda Vista Alegre Albino Moreira, na Fazenda Cajazeira a dividir com a Cabaceira de Dr. Gelo, a mãe do Dr. Godofredo de Barros, na Fazenda brasileira o Coronel Júlio Brasileiro, alí segue a encontrar a Fazenda do Coronel José de barros, seguindo pelo Riacho Seco chegamos até a Baixa da Lama onde encontramos os Herculanos, os Dias, os Augustos, os Muxileiros, todos eram parentes do Capitão Américo.
O Capitão Antonio Lopes, o Capitão João Capucena, Capitão Isaque de Macedo, Capitão Augusto Pinto, Augustinho de Gões, José Custódio das Neves, todos eles lutaram muito para acabar com Américo, mas não conseguiram.
Os métodos que ele usava como justiceiro amedrontaram até Lampião, que mandou avisar que o povo de Brejão arranjasse 20 contos de réis que ele estava vindo e o capitão disse que ele podia vir, que o estava esperando, sabendo o cangaceiro da fama de Brejão e dos muitos capangas do capitão passou para Bom Conselho, não quis encarar O Capitão Américo.
Em 1887 pegou a patente de Capitão da guarda Nacional. Foi o Fundador desta cidade de Brejão. Faleceu em 12 de fevereiro de 1942 com 99 anos.

Relatos feitos por Manoel Ferreira de Melo nascido em 17/04/1896(primo do capitão)
Entrevista concedida ao meu saudoso e amigo Gerson Alves dos Santos em 1990.

. Profª Iracema - PovoadoSanta Rita

. Profª Fandoca

. Profª Valdenice

. Profª Enedina Ferreira (D. Guedê)

.Profª Maria Naisa

Ela lecionava na Escola Profº Arthur Maia, a escola foi demolida e no local foram construidas pela Prefeitura algumas casas, na antiga Rua da matança.
Era uma senhora de óculos, bem magrinha, e o seu lema era uma boa reguada.

. Macilon Teixeira de Araujo e o Santa Cruz

.Dr. Claúdio Monteiro- Dentista

Nesta época, o Posto de saúde funcionava onde hoje é a casa de Zezé de Antonio Fula, e sua assistente era Zoraide de Macilon. Hoje ele está aposentado e é dono de uma confecção de roupas de lã, próxima a padaria suiça.

. Dr. Marcelo- Dentista do Sindicato

. O Sindicato Rural de Brejão - O Começo

. Ernesto Cabilô

Antonio Barbosa

. Maria Pinto Souto dos Santos

Izaias veríssimo de Moraes

. Chacina de gatos na cidade de Brejão-PE
























Em Defesa da Vida
















É um absurdo, mas é um fato muito triste a chacina de gatos por envenenamento na cidade de Brejão Estado de Pernambuco. Não existe respeito pela vida. O homem se esquece de quem dá á vida é o mesmo que a pode tirar. Os animais precisam viver, é claro que se precisa de um controle de natalidade através da esterelização tanto no macho como na fêmea que pode ser feito através de Campanhas.








As pessoas também criam gatos e quando as fêmeas procriam jogam seus bebês nas ruas, e eles morrem de fome, frio e sede. Eles não sabem se defender. Fazem isto aida dizem que tem fé e respeito por Deus, mas não é o que me parece.








Diga não a violência contra os animais

terça-feira, 4 de outubro de 2011

. A Sociedade de Ontem e de hoje

. Nêm Monteiro
. José monteiro
. Bispo Monteiro
. Liquinha de Bispo Monteiro
. Emília Monteiro
. Rogério Monteiro
. Ziza monteiro
. Lindoberto monteiro
. Rossine Monteiro
. Bamba

. Nilda Fabiano
. Gisélia Albuquerque
. Rosemilda Bezerra da Rocha
. Antonio cabral
. Terezinha Cabral
. Rosimeyre cabral

. Nivaldo Lopes (Secretário Executivo do município de Brejão)
. José Lopes (Zé Riscada)
. José Ferreira(Zé Gordo)
. Nito Lopes
. Antonio Lopes
. D. Nana (Progenitora)

. Anisio cabral
. João Cabral (filho de Anisio cabral)
. Marcelo cabral
. Sandro cabral
. sandra cabral
.João cabral da Silva Filho
.Gersina cabral
. André Cabral
. Sergio cabral
. Sandra cabral
. Fernando Cabral e Filhos
. Sonia Cabral
. Valdir Cabral
.Perpétua cabral e Filhos
.Valdemir cabral
.Vilma Cabral
. Valéria cabral
. Deneval cabral(Nênê dos Correios)
. Alexandrina cabral

. Antonio teixeira(Dono da padaria)
. D. Dulcineia
.Tito teixeira
. Alvinho teixeira
. Zé Milton teixeira
. Eliane teixeira
. Vanderléia Teixeira

.
Izaías Pinto
. D.Luzia Pinto
. Dicinha Pinto
.Socorro Pinto
. Izabel Pinto
. Francisco Pinto
. João Pinto
. José Cicero Pinto de barros (Coronel Barros)
. Mércia Pinto

. Augusto Pinto
. Zé Pinto


Turma da EMATER:
Alcides, Marcelo, Jesuíto, João, Carlinhos, Danielle.

. Filhos de D. Doura do cartório:
Adolfo Lopes, Zé de Doura, Expedita Lopes,Solange Lopes e Quitéria Lopes(Kit Lopes)
. D. Vitalina

. Antonio Fula
. D. Mimi (a progenitora)
. Gonzaga Fula
. Leide Fula
. Zezé Fula
. Maria Luiza Fula
. Albertinho Fula
. Carlos fula
. Luis Fula
. Enio

As parteiras Madrinhas:
. D. Dina, D. Rosa ?

. Luis de Anorina
. D. Anorina (Costureira)
. "Seu" Tião Esposo de D. Anorina
. Francisco de Anorina

. Doutor Pimdaíba
. manoel de Doutor
. Isaura de Doutor

. Seu Miguel Preto
. "Seu Zecão"
. Adevaldo Soldado

.Galeria dos Prefeitos de Brejão-PE



JOSERALDO BEZERRA RODRIGUES, filho do Sr. manoel e D. Josefa Rodrigues foi criado em Santa Rita, estudou no Colégio João cabral da Silva Filho, fez concurso para a policia militar, sendo aprovado exerceu a função de polícial militar. Alguns anos depois, foi cedido para fazer parte da segurança do então Prefeito Sandoval Cadengue de Santana. passou a ter um maior contato com a população e foi indicado para concorrer a eleição de Prefeito apoiado por sandoval. É uma pessoa muito carismática e por sua simpatia conquistou a população. Foi eleito prefeito governou por quatro anos de 2005a 2008 e hoje dá sua contribuição para o Município como Secretário de Saúde.
Postado em 16/11/2011

                                                  LUÍS FERREIRA DE BARROS

Luís Ferreira de Barros, conhecido como Luís Fula, foi o primeiro Prefeito eleito através do voto popular, também fez parte da CERSOPE, era um homem muito educado e querido. Um grande representante da família Fula e articulador político. (preciso de mais dados)


                                              SANDOVAL CADENGUE DE SANTANA





Sandoval Cadengue de Santana, Prefeito do município de Brejão, filho do ex-prefeito Josa Cadengue e de D. Elizabeth. Seu pai foi o pontapé inicial para que ele fosse eleito em seu primeiro mandato, mas com o tempo ele foi consolidando o seu nome que se tornou muito forte no município e na região.  foi  eleito pela primeira vez em 1997 a 2000,    e continuou  sua tragétoria   de  vitórias e     sucesso   de    2001 a 2004, sendo eleito mais uma vez em 2009  com término de mandato agora em 2012.

Amigo pessoal do Governador Eduardo Campos, quando ele  ainda   nem sonhava      em ser candidato a Deputado. Uma amizade que vem desde os tempos de "Seu" Josa  e de   Miguel Arraes.    Quando jovem, Sandoval ajudava seu pai entregando leite, na extinta CILPE. Anos depois ele trabalhou como caixa em um Agência do Extinto Bandepe, onde hoje funciona o banco do Brasil,   nesta cidade. E conhecido em todo o agreste, e liderou a campanha do Governador nesta região. Amado    por muitos e  o diado por alguns,  tem uma  personalidade  forte e   irreverente  e é respeitado por isto .        E o povo em     diversos    momentos   lhe demostrou um amor muito grande."Eis o filho de Josa cadengue".



                                                  MIGUEL CARLOS CALADO TORRES




                                                 Miguel Carlos Calado Torres, filho de   Manoel Paes   Torres e  D. Maria,  morou sempre na fazenda  brasileira      durante quase   toda sua vida,   passou   alguns anos na  cidade de Garanhuns, mas nunca se afastou da sua terra natal  e todos  os dias   estava no sítio em Brejão.          

  Foi eleito prefeito  com o   apoio do ex-prefeito  Josa Cadengue    e   pela  vontade   e  aclamação     do povo  que  o  indicou,  seu  mandato  de  1993    até   1996. É  uma pessoa  muito  e  carismática, lembro    muito bem   da beleza das praças sempre floridas   e  bem cuidadas que foi um marco em sua gestão .

 Ainda hoje é muito querido por possuir uma pesonalidade serena e tranquila. Sempre atencioso e continua até hoje uma pessoa muito querida por todos.
Quem não lembra da vila  da paz, um dos grandes feitos, do prefeito Miguel Paes.




                                                         ANDRÉ LUÍS PINTO CABRAL


                     André Luís Pinto Cabral -Ex-prefeito,  Filho de Joca Cabral e D. Gersina,  nasceu e se criou em Brejão e por ser um jovem muito simpático, se sobresaia   de todos   os filhos de Joca cabral,   por isto indicado para ser o sussessor do pai, no que foi recebido muito bem pela população da época  foi o  eleito o prefeito mais jovem  do país, era muito carismático e querido. Lembro de um fato interessante  é  que ele tomava o café da manhã todos os dias com os garis na prefeitura. Mas todo o seu carisma não foi suficiente para continuar no poder.




                                                   JOÃO CABRAL DA SILVA FILHO



                     João Cabral da Silva filho (Joca Cabral),ex-prefeito e pai de André Cabral, era uma pessoa muito carismática e brincalhona e querido por todos de sua época. (preciso de mais dados)





                                   José Custódio das Neves






    Casou-se com D. Florípes  Santana, mais conhecida como D. Nhanhá, moraram na casa que era de Zé Pinto onde nasceram seus filhos Wilson, Pedro, Ivone, Sônia, Zezito e Ione, sendo Wilson o mais velho e depois na Rua cleto campelo, hoje Rua José Inácio dos  Santos.
 Começou sua vida negociado com café  e pouco tempo depois comprou a Fazenda São José por 100 contos de reis, onde nasceu seu filho caçula Roberto. Também comprou na cidade de Garanhuns um belo casarão por 30 contos de reis e à vista, que era um assombro na época e hoje  pertence a Prefeitura Municipal de Garanhuns , que fora vendido após a morte do seu primogênito, o Médico  Dr. Wilson Santana Neves especializado em perícia. 

     José Custódio das Neves foi um dos que  mais lutaram para emancipação poítica de Brejão foi Comissário de polícia e  Delegado nomeado durante  40(quarenta) anos  em Garanhuns e Brejão, também foi Prefeito Interino e aponhou José dias da Silva então anegociando café, casou-se com D. Florípes  Santana, mais conhecida como D. Nhanhá, moraram na casa que era de Zé Pinto onde nasceram seus filhos Wilson, Pedro, Ivone, Sônia, Zezito e Ione, sendo Wilson o mais velho e depois na Rua cleto campelo, hoje Rua José Inácio dos  Santos.

        José Custódio das Neves foi um dos que  mais lutaram para emancipação política de Brejão, foi Comissário de Polícia e  Delegado nomeado durante  40(quarenta) anos  em Garanhuns e Brejão, também foi Prefeito Interino e aponhou José dias da Silva então advérsário do seu cunhado Luís  Ferreira de  Barros (Luís Fula), que era casado com sua irmã D. Letícia. Foi um homem irreverente ao ponto de se opor em uma campanha contra o próprio cunhado.  Formou todos os filhos com exceção do Pedro que era irreverente, aventureiro e sonhador;  abandonou os estudos n 3º ano ginasial, mas fez aeroclub (curso de piloto cívil   e mecânica pesada, na época considerado a ovelha negra da família por fugir dos padrões exigidos da sociedade da época.
  Este grande homem foi muito importante para a nossa história pois era íntegro e cumpriu sua missão política no munícipio de Garanhuns  e teve grande responsabilidade na emancipação política do nosso Município, na cidade de Garanhus existe uma rua  que leva o seu nome como reconhecimento de todo  um trabalho de uma vida. A Sede da Prefeitura  de Brejão, honra este ilustre e saudoso morador com a denominação de PALÁCIO JOSÉ CUSTÓDIO DAS NEVES.
    Faceleu em 27 de abril de 1971, seus restos mortais estão enterrados nas ruínas da antiga capela da fazenda

Esta era a cama do casal e
até hoje está sendo usada pelo                                                      seu filho Pedro.                                     
Estes sofás ainda estão em perfeito estado de conservação,
ao lado da lareira.




Esta janela foi copiada por D. Nhanhá de uma revista americana, ela era uma mulher muito estilosa, nas paredes estão texturas e achei esta janela muito bem arquitetada.


Altar da antiga capela e local onde estão os restos mortais de José custódio das neves



. Luís Ferreira de Barros
. João Cabral da Silva Filho
. José Dias da Silva
. Manoel Barbosa Calado
. José Lopes Ferreira(Zé Gordo)
. André Luís Pinto Cabral
. José Cadengue de Lira
. Miguel Carlos calado Torres
. Sandoval Cadengue de Santana
. Joseraldo Rodrigues Bezerra
.                                                         .Sandoval cadengue de Santana

. Ronaldo Ferreira de Melo